LOGOTIPO DNEGOCIOS

Janeiro de 2017

         

Feliz Ano Novo .

Seleção de Livros! Clique e confira.
         

O ANO DE SATURNO


O ANO DE SATURNO
"Fídias L. Muro”

Tudo em todos os aspectos está sempre em movimento. As coisas, as pessoas os sentimentos e as emoções, tudo está em constante transformação.
        Segundo a astrologia, a evolução acontece através de grandes ciclos planetários e um desses ciclos, um ciclo solar de 36 anos, (1981 a 2016) se encerra junto com o ano de 2016, dando lugar ao grande ciclo de Saturno, que termina no final de 2052. Cabe a Saturno portanto reger 2017, o primeiro ano do seu grande ciclo.
        Saturno não tem nada de leve nem de alegre. Não chegou para fazer amigos nem para influenciar pessoas, nem tem o menor interesse em agradar ninguém. Cobra resultados. Saturno é a recompensa e a punição. Sua energia nos mostra a importância de aceitar os limites e percalços da vida e a perseverar na dificuldade. É o senhor do tempo. Cronos na antiga Grécia, e estará repetidamente nos lembrando que tudo é cíclico. Tudo tem um começo, um meio e um fim. E disso nada consegue fugir.
        Enquanto senhor do tempo, Saturno é também a Sabedoria que advém das experiência vividas e dos erros cometidos. Saturno vem cobrar uma maior conscientização por parte da humanidade, em relação à responsabilidade, perseverança e disciplina para se alcança o sucesso.
        No plano social, econômico e político, crescerá o consenso de que o poder de decisão não pode mais ficar nas mãos de alguns poucos privilegiados, mas que cada indivíduo deve agir com mais consciência no sentido de não permitir mais os abusos nem as injustiças, que acabaram por gerar o atual desequilíbrio social.
        Sob a regência de Saturno, o progresso pode ser mais lento do que nos pareceria ideal, mas os resultados são constantes e certos como um dia após o outro.
        Que o nosso planeta está passando por sérios desafios, ninguém duvida. A questão é o que fazer para vencer esses desafios.
        A solução que Saturno vem trazendo na bagagem, a única, chama-se esforço coletivo. Crescerá um sentido de urgência na reflexão sincera das pessoas , com relação a responsabilidade de cada um. Estamos no mesmo barco, e temos que remar com mais vontade por bem ou por mal se quisermos ter esperanças de chegar sãos e salvos a um destino melhor.
        Todos somos responsáveis pela sobrevivência de todos e isso Saturno fará questão de demonstrar claramente com fatos concretos no decorrer de 2017.
        O ano de Saturno vai enriquecer a individualidade, dando mais força, mais persistência e mais equilíbrio às pessoas.
        Segundo o posicionamento dos planetas até Setembro ocorrerá um grande aperfeiçoamento tanto no pano individual como em escala global gerando um aumento de consciência coletiva. Muitos de nós vamos conseguir nos engajar numa luta pessoal por uma nova era, e isso até nos dará prazer. O ciclo de Saturno inaugura uma nova fase na vida do ser humano. A despedida do ano velho supõe um necessário balanço e a formulação das metas para os 365 dias seguintes. Neste ano de mudanças e incertezas, as pessoas terão que aprender a lidar com perdas e desafios removendo os escombros do passado e estabelecendo objetivos claros e concretos para o futuro ate que tudo, aos poucos volte ao normal.
        O primeiro semestre de 2017 ainda será marcado pela ressaca da crise, restando ainda uma sensação de caos incerteza e instabilidade pela falta de recursos e pelas restrições na área econômica, que foram as constantes no Brasil e no mundo em 2016.
        As palavras chave serão paciência e perseverança. Saturno, o planeta regente em quadratura com Netuno em peixes expressa tensões e divisões no mundo político, tornando evidente que as velhas ideologias precisam de urgente reformulação para fazer frente ao dinamismo dos mercados.
        O Congresso Nacional terá que lidar com questões mal resolvidas ou ainda não resolvidas, gerando muita tensão entre os parlamentares que disputam o poder a qualquer preço. Será necessário firmeza e diplomacia ao mesmo tempo para fazer as reformas exigidas pela coletividade. Haverá mais engajamento social nesses assuntos e o Congresso terá que agir de forma mais responsável para não perder de vez a aprovação da opinião pública e os votos dos eleitores. Júpiter e Mercúrio juntos em virgem ocupam a casa IX relacionada à esfera do Poder Judiciário, trazendo mudanças positivas para o mundo diplomático, política externa, embaixadas, intercâmbios culturais e universitários e para o turismo internacional. O poder judiciário terá um papel marcante neste ciclo, melhor atendendo as expectativas de todos. Há um sacrifício a ser feito, mas que causará uma profunda transformação social, com maior conscientização e participação das mulheres na vida social e política. Existe um maior consenso de que deveres e direitos precisam ser respeitados As estruturas engessadas na forma de se fazer política serão reformuladas e as resistências a essa mudanças serão muito marcantes.
        No início do segundo semestre as coisas começarão a dar mostras de que estão se ajeitando e em dezembro a quadratura entre Saturno já em Capricórnio aponta que as consequências da corrupção ainda comprometem o dia a dia e a qualidade de vida de muitos brasileiros.
        O ano de 2017 será um ano de reflexões de nossas ações passadas, de busca da nossa vida interior, da percepção da nossa própria essência e, graças a sabedoria nascida de nossas experiências pessoais e da maturidade, ano de assentar bases sólidas. Um ano em que mascaras cairão e o ser humano estará frente a frente consigo mesmo tendo que encarar sua face real.
        É o ano que convida ao respeito aos nossos limites e aos dos outros, às normas de boa convivência e às leis, principalmente as divinas.
        Será um ano austero. Saturno, empossado pelo Criador e Supremo Arquiteto como regente do ano, exige de nós tudo o que possamos dar, e nos impedirá de sonhar com glórias que não conquistamos e com talentos que não desenvolvemos.
        2017 é o ano daqueles que brigam pelos seus sonhos, que não têm preguiça, que sabem que é da luta que vem a conquista. A capacidade de concentração será muito aumentada, favorecendo por exemplo o sucesso nos concursos públicos.
        O ano de Saturno é para adquirir e exercer a sabedoria, a busca de novas metas, a coletividade, a perseverança, a disciplina, e a preocupação com o futuro, porque o futuro é o resultado do presente.
        Termina quando a sensação de justiça e a credibilidade começam a prevalecer sobre as mazelas anteriores e as esperanças se renovam no espírito de todos. Júpiter estará fazendo sextil ao Sol e já antecipando sua entrada na casa X do mapa da nação brasileira começa a abrir francas oportunidades de desenvolvimentos até surpreendentes em todos os setores. Um futuro melhor já poderá ser sonhado e desejado.



Seleção de Livros! Clique e confira.
         

EDITORIAL

A EDUCAÇÃO REPROVADA

O Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA) acaba de comprovar o que tudo mundo está cansado de saber: a qualidade da educação no Brasil vai mal. Nas disciplinas matemática, leitura e ciências vai péssima e dificilmente o Brasil conseguirá atingir as metas estabelecidas pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) para as próximas décadas. O resultado da prova de Ciências, em 2015, com 23.141 estudantes, deixou o Brasil atrás de países como Trinidad e Tobago, Costa Rica, Qatar, Colômbia e Indonésia. Singapura, que ficou em primeiro lugar, alcançou 564 pontos, enquanto Hong Kong aparece em segundo lugar, com 548 pontos e Macau, também na China, figurou na terceira colocação, com 544 pontos. A média de notas dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) ficou em 490 pontos, enquanto a nota do Brasil, que aparece apenas na 65ª colocação na disciplina de matemática, foi de 377 pontos, pouca coisa a frente da última colocada no ranking, a República Dominicana, que somou 328 pontos.
        Essa triste realidade mostra a necessidade de uma profunda reforma na grade curricular brasileira. Todos os estudos revelam que os estudantes brasileiros têm péssimo desempenho em matemática. No quesito leitura, o ranking PISA também é desanimador, com Brasil na 59ª colocação numa lista composta por 70 países. Enquanto Singapura, primeira colocada obteve 535 pontos, seguida pelo Canadá e Hong Kong, o Brasil ficou com 407 pontos, muito abaixo da média dos países da OCDE. A situação do Brasil também é vexatória em Ciências, onde os estudantes brasileiros ficaram com 401 pontos, número pouco melhor que o resultado obtido pelos estudantes da República Dominicana, que ficaram com 332 pontos. Em Ciências, 81,96% dos estudantes avaliados ficaram entre o nível mais baixo de conhecimento e o nível 2.
        O nível 2 de aprendizagem em Ciências, para se ter uma ideia, é o mínimo necessário para que um aluno possa ser considerado crítico e informado, portanto, os jovens brasileiros não estão sendo preparados para participar efetivamente e produtivamente das situações cotidianas relacionadas à ciência e tecnologia.
        Uma nação que não consegue preparar seus jovens para entender a ciência e conviver com as novas tecnologias nunca vai conseguir se desenvolver. O Brasil está fadado a permanecer como país de terceiro mundo caso as autoridades não promovam uma revolução na educação, priorizando o ensino infantil, implantando o tempo integral no ensino fundamental e médio, modernizando a grade curricular e levando as crianças a redescobrir o que significa e para que serve estudar.
        A OCDE aponta muitos alunos em séries inferiores às correspondentes para suas idades e que, portanto, aprenderam menos que os demais, como uma das causas para o desempenho desastroso dos estudantes brasileiros no Programa Internacional de Avaliação de Alunos, mas, na verdade, existe um conjunto de fatores que levaram à essa triste realidade. O principal deles a péssima estrutura das escolas públicas brasileiras, onde os estudantes não são incentivados a gostar de aprender.
        Na sequência, aparece a distorção nas grades curriculares, com pouca margem para o educador revolucionar na hora de aplicar as disciplinas de matemática, ciência ou leitura. Por fim, a baixa remuneração dos professores, que nem mesmo o piso salarial profissional nacional, conseguiu corrigir. O desempenho dos estudantes brasileiros no ranking PISA indica que no Brasil educação, a primeira prioridade do resto do mundo, está sendo praticamente prioridade zero.


LIVROS



O HOMEM MAIS INTELIGENTE DA HISTÓRIA
Augusto Cury

"O maior líder é aquele que reconhece sua pequenez, extrai força de sua humildade e experiência da sua fragilidade." (Augusto Curi)

        O homem mais inteligente da história é fruto de 15 anos de estudos e pesquisas. Considerado por Augusto Cury a obra mais importante de sua carreira, é o primeiro volume de uma coleção que vai transformar nossa visão sobre um personagem que julgávamos conhecer tão bem. Em O Homem Mais Inteligente da História ele narra em 272 páginas uma mesa redonda na qual teólogos e cientistas discutem a inteligência de Jesus Cristo.

        O livro começa assim:

Primeiro Capítulo:         A ERA DOS MENDIGOS EMOCIONAIS


        O Secretário-Geral da Organização das Nações Unidas, a ONU, deu início à reunião de emergência sobre a violência no mundo. Os principais líderes políticos das nações, assim como pensadores das mais diversas áreas, estavam presentes. Os números mostravam um aumento assustador da violência não apenas nos países pobres e emergentes, mas também nas nações mais ricas.
        – Bullying nas escolas, violência contra mulheres e crianças, assédio moral nas empresas, agressões sexuais, corrupção na política, sabotagem no mercado, exclusão de imigrantes, suicídios, homicídios, terrorismo. Enfim, o leque de violência nas sociedades modernas é enorme. Vivemos o apogeu do progresso material, o ápice da era digital, mas não estancamos a hemorragia da violência ao redor do mundo. Ao contrário, ela está aumentando… É incompreensível! – concluiu, preocupado.
        – Está aberto o debate para encontrarmos soluções sustentáveis.
        Muitos presidentes, ministros e parlamentares fizeram suas considerações. Alguns poucos sociólogos também mencionaram o adensamento populacional, as crises econômicas, a exclusão social e outros tantos problemas como fatores agravantes.
        Quando a conferência se aproximava do fim e os presentes já estavam cansados de ouvir as mesmas discussões, o Secretário-Geral retomou a palavra:
        – A ONU agradece a participação dos líderes mundiais nesta grande conferência sobre as causas e soluções para a violência na era moderna. Faremos um relatório que será enviado a todas as nações, embora eu tenha a impressão de que ainda falta um diagnóstico adequado da questão.
        – E falta mesmo! – proclamou Marco Polo, um psiquiatra pesquisador que estava entre os espectadores.
        Estressado, o Secretário-Geral advertiu:
        – Sinto muito, senhor, mas o debate não está aberto à plateia.
        – As grandes ideias não são propriedade das lideranças políticas, mas da mente de quem as pensa – confrontou-o Marco Polo.
        Pego de surpresa, o Secretário-Geral da ONU pensou melhor.
        – Abrirei uma exceção. Seu nome?
        – Marco Polo – apresentou-se de forma breve.
        – Seja rápido, por favor. A hora está avançada – pediu delicadamente o Secretário.
        Polêmico, ousado, provocador, Marco Polo sentiu-se à vontade:
        – Senhoras e senhores, não apenas pisamos na superfície do planeta Terra, mas também na camada superficial do planeta emoção. Está em curso uma verdadeira explosão de transtornos psíquicos e sociais. E uma das grandes razões para isso é o fato de a educação clássica ter se tornado excessivamente cartesiana, lógica, linear, desprezando as habilidades socioemocionais capazes de proteger a psique. Se não mudarmos o paradigma fundamental da educação, seremos uma espécie inviável!
        A plateia se agitou.
        – Mudar o paradigma da educação? Como assim, senhor Marco Polo? – questionou um intrigado ministro canadense que estava na primeira fila.
        – A educação mundial precisa passar da era da informação para a era do Eu como gestor da mente humana! A primeira gera gigantes na ciência, mas crianças no território da emoção; a segunda cria seres humanos bem resolvidos, coerentes e altruístas.
        O tema era completamente novo e, ao mesmo tempo, perturbador. As pessoas que haviam bocejado nos últimos discursos mostravam-se agora despertas.
           (...)
        – Mas há séculos a educação é assim, detentora e transmissora das informações mais relevantes da sociedade – retrucou o ministro da Educação da França.
        – Sim, doutor, mas essa educação não funciona mais, pelo menos não coletivamente. A mente dos nossos alunos mudou muitíssimo. Assim como não é possível dar tinta e pincéis a uma máquina e esperar que ela crie obras-primas como as que Da Vinci, Van Gogh e Rafael pintaram, não é possível formar obras-primas na tela da mente humana com esse estilo de educação. As pessoas precisam aprender a pensar coletivamente, a ser altruístas, saudávei, felizes e a contemplar o belo, a se colocar no lugar do outro e ser tolerantes às frustrações!
           (...)
        Marco Polo entregou seu pen-drive ao técnico responsável e começou a mostrar imagens reais: carros sendo conduzidos de maneira irresponsável, em alta velocidade, desrespeitando as normas de trânsito e causando acidentes horríveis. Em seguida completou:
        – Nosso intelecto é um veículo mental complexo e o dirigimos de forma irresponsável. Por quê? Porque as escolas e as universidades não educam o Eu, que representa a capacidade de escolha, o livre-arbítrio, a consciência crítica para estar ao volante. Um olhar atravessado estraga o dia, uma crítica asfixia a semana, uma traição pode comprometer uma vida.
           (...)
        Em seguida mostrou cenas de pessoas anônimas cometendo os mais diversos tipos de violência e até assassinatos por motivos banais.
        – Pequenas contrariedades geram reações desproporcionais. Estamos na era do descontrole emocional.
        Era possível perceber a perplexidade no rosto dos que assistiam à apresentação de Marco Polo. Um político famoso que estava na primeira fileira lembrava silenciosamente que no dia anterior gritara com a esposa como se ela fosse sua escrava: “Saia da minha frente, sua débil mental! Esse terno não combina com essa gravata!” Sentia-se envergonhado.
           (...)
        – Como podemos mudar isso, doutor Marco Polo? – perguntou o Secretário-Geral, abalado.
        – Há muitas ferramentas à nossa disposição: podemos ser mais lentos para reagir e mais rápidos para pensar; ser empáticos e nos importar com a dor dos outros; ter consciência de que por trás de alguém que fere há uma pessoa ferida; pensar como humanidade e não apenas como grupo social… E todas essas ferramentas estão relacionadas com a gestão da própria mente.
        Em seguida o pesquisador mostrou que na atualidade levamos o veículo mental, a construção dos pensamentos, a uma velocidade nunca antes vista. Por isso é fácil perder o autocontrole!
        – Mas… mas… nunca ouvi falar nisso – comentou um líder alemão.
        – Mas agora é tempo de ouvir! Hoje uma criança de 7 anos possui mais dados que os imperadores romanos. Uma de 9 anos possui mais informações que Sócrates ou Platão. Isso não é suportável. O excesso de informações não utilizadas torna-se lixo intelectual. Esgota o cérebro. Em média, quem tinha mais informações: Einstein ou os bons engenheiros e físicos da atualidade?
        – Einstein? – disse um ministro de Educação europeu. – Errado, senhor. São os engenheiros e físicos da atualidade. Mas por que não produzem ideias complexas como as que o jovem Einstein produziu aos 27 anos, no tosco escritório de patentes em que trabalhava? O que forma um pensador não é a quantidade de dados, mas sua organização.
        Marco Polo projetou algumas animações reveladoras. Crianças e adolescentes conectados o dia todo no celular, mas desconectados de si mesmos. De repente, diante da menor contrariedade, tinham reações explosivas. Também mostrou crianças dormindo mal e outras acordando de madrugada para acessar as redes sociais. Pareciam zumbis.
        – Mas a era digital trouxe ganhos inegáveis! – questionou uma líder indiana.
        – Sim, inclusive um aumento cognitivo e uma melhora do raciocínio lógico e da produtividade. Mas também trouxe prejuízos gigantescos. Não podemos fechar os olhos para isso. Milhões de jovens são vítimas de intoxicação digital. Tire-lhes os celulares e muitos terão sintomas de abstinência como as geradas pela dependência de drogas! Ansiedade, insatisfação crônica, impaciência, baixa tolerância a frustrações, um tédio atroz quando sentem que não têm nada para fazer.
           (...)
        – Então nosso sistema virou uma fábrica de doidos. Para o senhor, estamos vivendo mais em termos biológicos e morrendo mais cedo em termos emocionais, é isso? – indagou um político francês.
        – Tenho certeza de que estamos vivendo esse paradoxo. Essa é uma violência subliminar contra nós mesmos, mas não catalogada pela ONU nem discutida neste debate.
        – O doutor Marco Polo tem razão. Algumas pesquisas indicam que esse ritmo frenético nos torna mais individualistas e insatisfeitos.
        Estamos na era da indústria do lazer, mas nunca tivemos uma geração tão triste. Esse é outro grande paradoxo – afirmou Michael, um neurocientista que mais tarde se tornaria amigo de Marco Polo.
        – Estamos na era dos mendigos emocionais – concluiu Marco Polo.
       – Muitos dos senhores aqui trajam ternos e gravatas de marca, mas não poucos mendigam o pão da alegria. Essa é outra autoviolência.
           (...)
        Marco Polo mencionou também a multiplicação do número de mendigos na França do século XVIII. Devido às guerras, corrupção política e conflitos sociais, produziram-se tantos miseráveis que era possível tropeçar nos famintos que viviam nas ruas. Mas hoje estamos na era dos miseráveis emocionais. E citou um país jovem, ensolarado e alegre, o Brasil: – Por exemplo, na cidade de São Paulo, no período de 2002 a 2012, o índice de suicídios entre jovens aumentou 42%.
        – Que loucura é essa? Se isso acontece no Brasil, para onde caminha a humanidade? – comentavam as pessoas umas com as outras.
        – A FAO, órgão da ONU responsável pela segurança alimentar, como os senhores devem saber, detectou que há 800 milhões de pessoas passando fome no mundo. Um problema intolerável. Mas as estatísticas não dizem que há bilhões de mendigos emocionais, alguns morando em belos apartamentos e em casas confortáveis. A plateia irrompeu em aplausos. Marco Polo ia encerrar sua fala, mas as pessoas solicitaram que continuasse.
           (...)
        Então o psiquiatra projetou a imagem de uma criança africana soltando pipa, feliz da vida. Depois a de outra correndo atrás de animais, sorrindo, como se tivesse mergulhado num oásis de prazer. A seguir, mudou a paisagem, mostrando uma animação em que um menino fazia birra: “Eu quero mais!” Outra gritava com a mãe: “Você tem que me dar um celular novo!” Comportavam-se como pequenos reis que faziam dos pais seus serviçais.
        “Meu Deus, o que estou fazendo com meus dois filhos…”, disse a si mesma a empresária. “Dou presentes quase todos os dias e quanto mais dou, menos agradecem, mais reclamam e mais infelizes ficam.”
           (...)
        – Por favor, procurem dar aos seus filhos o que o dinheiro não pode comprar: sua presença e sua história. Ensinem-lhes a contemplar o belo. Esse é o presente dos presentes! Terminou comentando que muitos milionários, conforme enriquecem mais e mais, tornam-se sem perceber miseráveis morando em palácios.
        – Estou assustado… Entrei rico e saí mendigo da sede da ONU! – brincou um empresário do vale do Silício.
        Todos deram gargalhadas.
        – A emoção é democrática, senhoras e senhores, ela se alimenta especialmente das coisas simples e anônimas da vida.
        De repente, uma pergunta inesperada e dificílima de responder tumultuou ainda mais o ambiente:– E Jesus Cristo, era sudável, feliz, contemplava o belo? – indagou um líder do Parlamento britânico.
        Marco Polo parou, respirou profunda e prolongadamente e respondeu:
        – Respeito os que aderem a alguma religião, mas sou ateu. Para mim, Deus é uma ideia construída pelo cérebro humano, que, por ser apaixonado pela vida, não suporta seu caos na solidão de um túmulo… Portanto, não vou discutir religião aqui.
        Mas o líder do Parlamento britânico o confrontou:
        – Eu não perguntei se o senhor crê em Deus ou não. Perguntei se o personagem Jesus era saudável, feliz, se contemplava o belo! – insistiu.
        Marco Polo respirou lentamente. O clima ficou tenso na reunião da ONU.
        – Nunca estudei sua personalidade, mas as religiões cristãs vendem a ideia de que Jesus Cristo era um homem triste, intimista, que carregava o mundo nas costas, com baixo nível de alegria.
        De repente, uma ouvinte ficou de pé e, em sintonia com o político inglês, desafiou Marco Polo:
        – Sei que você estuda o processo de formação de pensadores, doutor. Você é muito ousado, mas parece que tem medo de investigar a mente de Jesus sob o ângulo das ciências humanas – comentou aquela psicóloga sem meias palavras.
        Todos ficaram espantados com a audácia da mulher.
        – Medo, eu? – disse Marco Polo, olhando bem nos olhos dela.
        – Sim, medo, o velho cárcere humano! Por que você não aceita o desafio de investigar os amplos aspectos da inteligência de Jesus?
        Silêncio geral na plateia. Marco Polo partiu para o ataque:
        – A senhora acha correto me pressionar diante desta nobre plateia de líderes mundiais? – falou, aparentemente indignado.
        – Sem dúvida que sim! – afirmou ela.
        Um burburinho tomou conta do lugar. O Secretário-Geral da ONU se levantou para tentar moderar a situação. Em seguida Marco Polo indagou, mais sério ainda:
        – Qual é o seu nome?
        – Anna.
        Então ele abriu um sorriso e comentou:
        – Vou pensar no seu questionamento, Anna. Mas antes quero dizer publicamente que eu te amo…
        Ninguém entendeu nada. Após um silêncio cálido, ele explicou:
        – Bom, preciso gerir minha mente, pois até minha esposa está me estressando…
        Quando ficaram sabendo que Anna era sua mulher, todos sorriram, se levantaram e irromperam em aplausos. Enxergaram neles um casal incrível, espontâneo e inteligente. E nesse clima Marco Polo encerrou sua participação.


Augusto Jorge Cury nasceu em 2 de outubro de 1958, é médico, psiquiatra, psicoterapeuta e escritor. Seus livros já venderam mais de 16 milhões de exemplares somente no Brasil, tendo sido publicados em mais de 60 países. O autor estudou com profundidade as dinâmicas da emoção e da construção dos pensamentos para escrever “O homem mais inteligente da história”. É o autor brasileiro que mais vendeu livros desde o ano 2000.

Para saber o preço e conhecer mais sobre este livro, clique aqui


Seleção de Livros! Clique e confira.
         

Você abre o noticiário e lê lá:

IBGE detecta queda na inflação.

Tudo bem, mas o que é afinal de contas, Inflação? A inflação caiu, a inflação subiu e daí?
           O que é que eu tenho a ver com isso?
           - Muita coisa...

DINEIRO INFLAÇÃO

A inflação é o aumento persistente e generalizado no preço das mercadorias ou produtos disponibilizados para venda pelo comercio. Quando a inflação chega a zero dizemos que houve uma estabilidade nos preços. Quando a inflação está muito alta, como aconteceu no fim da década de 80 no Brasil, quando tivemos que conviver com uma inflação de mais de 80% ao mês, se diz que a inflação disparou. É quando o governo e o mercado perdem totalmente o controle da situação e os lojistas passam a aumentar sistematicamente o preço das mercadorias para não sair no prejuízo diante da ameaça de desabastecimento e de uma demanda acirrada por produtos.
        Se você descobre que vai faltar gasolina, você corre para o posto, pra completar o tanque e todo mundo faz a mesma coisa. Nesta hora, o dono do posto se vê em condições de aumentar o preço, porque mesmo vendendo bem mais caro, ainda vai conseguir vender e na falta de um órgão capaz de controlar esta situação, é isto mesmo que vai acontecer.
        Numa inflação generalizada, isto que aconteceu no exemplo da gasolina, acontece em toda a cadeia produtiva. Tudo sobe de preço. Você que enchia seu tanque com cem reais vai passar a gastar mais. No caso da inflação de 80% ocorrida no início de 1990, se você pagou em março cem reais pelas suas compras do mês, em abril, pra comprar as mesmas coisas, você teria que gastar cento e oitenta reais. E no mês seguinte trezentos e vinte e quatro reais, em junho as mesmas mercadoria já lhe custariam quinhentos e oitenta e três reais e com os produtos cada vez mais caros nas prateleiras cada vez menos pessoas teriam condições de comprar. Neste quadro terrível de descontrole total, o governo tenta resolver a situação dando aumentos de salários todo mês, igual a inflação, ou seja ao invés de combater as causas da inflação, na verdade a alimenta.
        No fim de 1989 e início de 1990 esta era a situação real no Brasil e quem tem idade para se lembrar disso, certamente não se esqueceu. É a chamada inflação de demanda, quando há excesso de procura em relação aos produtos disponíveis para venda. Mais gente querendo do que produto à venda. Para combater a inflação de demanda, os dirigentes da política econômica se veem obrigados a lançar mão de instrumentos para inibir a procura, como por exemplo, reduzindo a oferta de financiamento ou aumentando a taxa de juros.
        A inflação é chamada Inflação de Custos, quando é provocada pela ineficiência do sistema produtivo. O nível da demanda existe, mas a produção é encarecida por fatores como o aumento do custo de matéria-prima, mão de obra ou gestão incompetente ou a insensibilidade de algumas empresas que aumentam seus lucros acima dos custos de produção. A inflação de custos é provocada principalmente pelo baixo nível técnico da pirâmide produtiva, que a partir de um determinado momento não consegue desenvolver sistemas e tecnologias que permitam produzir mais com menor custo.

ÍNDICES DE INFLAÇÃO

        Para fazer uma boa radiografia da inflação, precisamos descobrir no calo de quem ela está doendo mais e no calo de quem ela está doendo menos. Daí a necessidade dos famosos indicadores ou índices de inflação usados para medir a variação dos preços e o impacto no custo de vida da população. Por que são necessários tantos índices para medir a mesma inflação?
        Explico.
        Primeiro é preciso saber que a inflação que as pessoas sentem no bolso é sempre bem maior que o índice oficial. Isso é normal e não quer dizer que o dado oficial seja fraudado. O índice mais famoso e mais utilizado é o índice oficial de inflação, que monitora o mercado com relação às metas estabelecidas pelo governo federal. Estamos falando do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), medido pelo IBGE, que considera gastos como alimentação e bebidas; artigos de residência; comunicação; despesas pessoais; educação; habitação; saúde e cuidados pessoais. Abrange as famílias com rendimentos mensais entre 1 e 40 salários-mínimos, residentes nas áreas urbanas (isso equivale a aproximadamente 90% das famílias brasileiras). É usado pelo Banco Central como medidor oficial da inflação do país. O governo usa o IPCA como referência para verificar se a meta estabelecida para a inflação está sendo cumprida. O mais usado atualmente é o IPCA-15, que nada mais é do que um refinamento do IPCA.

        Agora vamos imaginar uma família que mora em área urbana, ganha até seis salários mínimos, não tem carro os filhos frequentam escola pública, e suas despesas mensais se resumem à compra do mês, aluguel da moradia, gasto com transporte público (passagem de ônibus) e reposição de alguma peça do seu vestuário . O índice que mostra o impacto da inflação sobre esta família tem que ser um outro diferente que meça somente as variações de preços ocorridas nos produtos que fazem parte do seu consumo mensal. Porque? Por exemplo, se a cesta básica passar de R$ 100,00 para R$ 150,00, uma família que tenha renda de um salário mínimo sentirá muito mais esse aumento que uma com renda de nove salários mínimos. O gás de cozinha, dentro do grupo habitação e o preço das passagens de ônibus dentro do grupo transporte afetam diretamente o custo de vida desta família. Já os aumentos ou quedas nos preços de automóveis e da gasolina não vão afetá-la diretamente porque ela não tem carro. Não compra gasolina. O índice que mede os efeitos da inflação na economia desta família é o INPC, (Indice Nacional de Preços ao Consumidor), medido pelo IBGE. Nele são consideradas alimentação e bebidas; artigos de residência; comunicação; despesas pessoais; educação; habitação; saúde e cuidados pessoais; transportes e vestuário. O INPC é usado pelo governo para negociação de reajustes salariais.

        Outro índice muito importante porque mostras com muita clareza, como está se comportando a economia do país, é o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), medido pela Fundação Getulio Vargas. Ele registra a variação de preços desde matérias-primas agrícolas e industriais até bens e serviços finais. O IGP-M mede bens de consumo e bens de produção de forma completa e abrangente levando em conta os bens e não seu público consumidor, ou seja, não faz restrição de nível de renda. É usado no reajuste de alugueis e de tarifas públicas como conta de água, luz e outros serviços tomados por todas as faixas de renda.
        Existem ainda outros índices que ajudam a diagnosticar a inflação para finalidades específicas mas que não são de maior interesse para o consumidor. Mas se você quer conhecê-los basta clicar aqui

        Agora, expert em inflação, veja os índices atuais.
        A prévia da inflação oficial, medida pelo IPCA-15, fechou o ano com taxa de 6,58%. A taxa, divulgada em 21/12/2016 pelo IBGE, é inferior à observada pelo IPCA-15 do ano passado de 10,71% e está próxima do teto da meta de inflação do governo federal, que é 6,5%.
        O INPC de novembro de 2016, medido pelo IBGE ficou em 0,07% com um acumulado no ano de 7,39%
        O Indice geral de preço de mercado (IGPM) de novembro de 2016, medido pela fundação Getulio Vargas ficou em 0,03 com um acumulado no ano de 7,13.
        Em 2017, a inflação deve recuar e encerrar o período em 4,4%, ante 4,7% previstos anteriormente. O limite superior da meta no próximo ano é 6%, com centro em 4,5%.
        Os cálculos estão no Relatório Trimestral de Inflação, divulgado terça-feira 27/12/2016 em Brasília. Para essas projeções foram considerados o dólar a R$ 3,30 e a taxa básica de juros de 14,25%.

        Na próxima edição dia primeiro de fevereiro você vai saber quais são os efeitos da inflação nos nossos projetos, no nosso dia a dia, enfim: na nossa vida. Grave na sua agenda e não esqueça.


       
COMER BEM

A FESTA ACABOU!

Sandra Oliveira

Fim de ano é uma delícia!
       Muita alegria, comemorações e COMIDAS! Todas as calorias bem camufladinhas em deliciosos panetones, pães e doces. Rabanadas e espumantes. Depois que tudo passa é que vem o grande desafio. Nas primeiras semanas do ano é muito difícil “voltar à normalidade”, principalmente no item alimentação.
        Depois de encarar uma ceia de natal e uma comilança no Réveillon, vem uma forte tendência a querer continuar aquela deliciosa vida desregrada. Todo mundo de férias, acordando tarde, comendo muita besteira, Já viu. Pra piorar as coisas, o verão chegando a mil, e a urgência urgentíssima de eliminar imediatamente as gordurinhas invasoras daquelas deliciosas duas semanas. E às vezes sobram tantas maravilhas na geladeira que dá pra mais quase um mês. Uma tortura!
        Aí, no desespero, a gente começa a se lembrar daquelas famosas dietas radicais e acaba optando pela mais radical: A dieta da fome, que consiste em passar fome uma semana, perder um quilo e invariavelmente perder o pique e finalmente recuperar o quilo perdido e mais um na semana seguinte. Portanto, não é por aí.
        Vamos voltar e olha só: Nesta primeira edição do novo ano, pra que tudo se realize e se normalize de uma vez por todas, resolvi sugerir uma sequência alimentar bem nutritiva, gostosa e light, que tem o dom de fazer seu peso regredir com segurança para patamares aceitáveis.
        Pra começar, não se esqueça nunca de tomar pelo menos dois litros de água e incluir pelo menos meia hora de exercícios físicos de média intensidade todos os dias. Verá que os resultados são excelentes!
        Pela manhã bata no liquidificador meia beterraba pequena com quatro morangos e um copo de água. Se por acaso se lembrar do açúcar, não faça isso! Beba em jejum sem coar. Tome seu café da manhã normalmente, mas evite alimentos gordurosos como queijos por exemplo. Escolha alimentos leves, de fácil digestão, e corte totalmente o álcool.
        Almoço moderadinho: arroz branco, soltinho, feijão com pedacinhos de bacon e linguiça defumada. Saladinha de couve crua, tomate, cebolas e um bifinho grelhado. Segredo nenhum.
        O destaque é a sobremesa. Essa receita eu recebi de graça da Nestlé. É só se cadastrar gratuitamente no site e eles mandam pra gente, um montão de dicas light saborosas. Todo dia tem uma novidade sob medida pra você aproveitar. Mas vamos à receita da sobremesa que é rapidinha e super fácil.

Frozen de yogurt light

        É assim: Despeje o conteúdo do pote de iogurte num filtro de papel e deixe escorrer o soro, por cerca de uma hora. Leve ao freezer até congelar. Enquanto isso congele também uma xícara de chá da fruta que preferir, limpa e picada . Gosto de blueberries, mas com qualquer sabor, framboesas, banana, morango também fica ótimo. Daí é só bater tudo no liquidificador. Pode dar uns pingos de adoçante se quiser. Fica gostoso e leve. Mais simples, impossível. E não se preocupe. O teor calórico é baixíssimo.
        A tarde coloque numa xícara um saquinho de chá de boldo e um saquinho de chá de carqueja. Os dois. Faça um chazinho e tome antes do lanche. É um ótimo desintoxicante. Substitua o jantar por uma sopa de legumes que você pode diversificar pra não ficar cansativa. Mantenha esta dieta durante cinco dias, sem interrupção. Seu intestino vai ficar bem regulado, o fígado vai trabalhar leve, e sua barriga fica sequinha! Certo?
        E voltando àquilo da Nestlé, mandar dicas pra gente de graça, se você quiser é só clicar aqui,   preencher os dados e você se cadastra agora mesmo. Vale a pena.
        Feliz ano novo! Aproveite bem esta maravilha de ano que chegou de presente pra nós. Bjs!!

Seleção de Livros! Clique e confira.
         

10 COISAS PARA VOCÊ LEMBRAR

Quando estiver pensando em desistir

Marília Milena

pessoa preocupada

Todo mundo já passou por aquele momento que bate a vontade de desistir. Faz parte da história de muitas pessoas, inclusive das mais bem-sucedidas. São inúmeros os fatores que levam um empreendedor ao sucesso e um deles é o bom exemplo. Por isso é sempre bom saber o que pensam as pessoas que prosperaram e não só se deram bem no mundo dos negócios, mas também escreveram o nome na História. Veja o que essas pessoas dizem sobre isso nestas frases, pensamentos e ideias que nos ensinam a parar de reclamar e começar a olhar pra frente.

1.   Se você não está disposto a arriscar, esteja disposto a uma vida comum.   – Jim Rohn.

Jim Rohn começou sua vida profissional trabalhando como almoxarife para a loja Sears. Graças a sua dedicação incomum, teve um sucesso pessoal tão grande que em 1960 começou a apresentar seminários e palestras em todo o país, contando sua história e ensinando a sua filosofia de desenvolvimento pessoal. Foi ganhador do Prêmio CPAE da Associação Americana de Palestrantes. Suas obras principais são: “7 Estratégias para a Prosperidade e Felicidade” e “Minha Filosofia Para Uma Vida Bem-Sucedida”.

2.   Todos os seus sonhos podem se tornar realidade se você tiver coragem o bastante para não desistir deles.   – Walt Disney.

Walt Disney Tornou-se famoso por seu pioneirismo no ramo das animações e pelos seus personagens de desenho animado. É a pessoa que venceu o maior número de Óscars na história: 22 prêmios da Academia. Deixou em seu vasto legado uma universidade na Califórnia, o Parque temático Disney World, um dos maiores conglomerados de entretenimento do mundo, destino de férias mais visitado do mundo, com um atendimento de mais de 52 milhões de pessoas anualmente e o EPCOT, um centro dedicado à celebração das conquistas humanas, principalmente à inovação tecnológica e a cultura internacional. Em 2016 o Epcot atraiu mais de 11 milhões de visitantes.

3.   Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente. Quem sobrevive é o mais disposto à mudanças.   – Charles Darwin.

Charles Darwin. alcançou fama ao convencer a comunidade científica da ocorrência da evolução e propor uma teoria para explicar como ela se dá por meio da seleção natural e sexual que se tornou explicação de diversos fenômenos na biologia. Em seu livro de 1859, "A Origem das Espécies" Darwin introduziu a ideia de evolução a partir de um ancestral comum, que se tornou explicação científica dominante para a diversidade de espécies na natureza. Foi uma das cinco pessoas não ligadas à família real inglesa a ter um funeral de Estado no século XIX.

4.   Há dois tipos de pessoa que vão te dizer que você não vai conseguir: as que têm medo de tentar e as que têm medo que você tente e se dê bem.   – Ray Goforth.

Ray Goforth foi diretor executivo, da Federação Internacional de Engenheiros Profissionais e Técnicos (IFPTE), entidade sindical que representa mais de 23.000 engenheiros, técnicos, pilotos e outros profissionais aeroespaciais nos Estados Unidos e Canadá. Teve grande desempenho individual em atrair e reter os melhores talentos, em grandes empresas aéreas, desenvolvendo técnicas de Coachig Empresarial e pessoal.

5.   Oportunidades não surgem do nada. Não caem do céu. É você que as cria. O sucesso só acontece fora da zona de conforto.   - Michael Bobak.

Michael Bobak é um pintor contemporâneo da Filadélfia, PA - Estados Unidos, que com estilo único usa uma técnica de sua própria concepção em suas pinturas que ele chama de “manchas. Misturando imagens diferentes, este artista lúdico, mostra movimentos de cores alegres e cheias de diversão. É pacífico, calmo, brilhante e comemorativo. A relação espacial de suas cores não é apenas bonita, é inspiradora , revelando uma arte construída com coração e alma.

6.   Você não falhou. Só descobriu 10 mil caminhos que não eram o certo. Se parar nunca saberá o quanto estava próximo de conseguir na hora em que desistiu.muher preocupada   - Thomas Edison.

Thomas Edison foi um empresário dos Estados Unidos que patenteou muitos dispositivos importantes de interesse industrial. O Feiticeiro de Menlo Park, como era conhecido, registrou 2 332 patentes sendo o fonógrafo uma de suas principais invenções. Outra foi o cinematógrafo, primeira filmadora bem-sucedida. Também aperfeiçoou o telefone, a máquina de escrever, o aparelho de raios X e em 1879 a lâmpada elétrica incandescente, sendo considerado por muitos seu inventor. Costumava dizer que “O gênio consiste em um por cento de inspiração e noventa e nove por cento de transpiração".

7.   Se você quer fazer uma mudança permanente, pare de se preocupar com o tamanho dos seus problemas. O que importa é o tamanho da sua vontade.   - T. Harv Eker.

T. Harv Eker é um empresário e palestrante motivacional canadense conhecido por suas teorias sobre riqueza e motivação. É o autor do livro“Segredos da Mente Milionária”. Nasceu em Toronto, e na idade adulta mudou-se para o Estados Unidos. Abriu e faliu mais de uma dezena de empresas diferentes antes de ter sucesso com uma loja de varejo de moda fitness. Conseguiu ampliar o negócio chegando a tranformar sua lojas numa das maiores redes americanas do ramo fitness e, posteriormente, mais uma vez perdeu tudo por má gestão. Começou então a analisar as relações que as pessoas ricas têm com o dinheiro e desenvolveu as teorias que chamou de “Conceito de Mente Milionária", uma coleção de atitudes mentais que facilitam conquistar ou reconquistar a riqueza e que segundo ele, usou para se reerguer a cada queda. Esta teoria propõe que qualquer pessoa pode estabelecer um "plano financeiro" e que este plano deve ser percentual a seu ganho, imutável, perseverante e cumulativo e que adotando este modelo as pessoas podem mudar a sua capacidade de acumular riqueza.

8.   Se você procura sua realização nos outros, você nunca será realizado. Se sua felicidade depende de dinheiro, você nunca será feliz consigo mesmo. Contente-se com o que você tem; fique feliz com a maneira como as coisas são. Quando você perceber que não está faltando nada, é porque o mundo inteiro já é seu.   - Lao Tzu.

Lao Tzu foi um filósofo e escritor chinês, autor de uma das obras fundamentais do pensamento Oriental: o Tao Te Ching . Uma lenda conta que Lao Tzu nasceu com a aparência de um velho: por isto, teria recebido este nome que significa, literalmente, "criança velha", No terreno prático, Lao Tzu preconizou a vida contemplativa e a supressão de qualquer desejo. A influência da obra de Lao Tzu, o Tao Te Ching , em protugues: “O Livro do Caminho e da Virtude” é tão disseminada que se tornou um dos livros mais traduzidos e mais vendidos no mundo.

9.   A verdadeira emoção não é o que você vai conseguir com o que faz, é o prazer de fazer e de amar o que você está fazendo.   – Ralph Lauren .

Ralph Lauren é um designer de moda americano, executivo de negócios, da Ralph Lauren Corporation, uma empresa multibilionária global. Em outubro de 2016,a revista Forbes estimou sua fortuna em US$ 5.5 bilhões de dólares, o que torna Ralph Lauren a uma das pessoas mais ricas do mundo.

10.   O sucesso é a soma dos pequenos esforços repetidos dia a dia.   – Robert Collie.

Robert Collier foi um escritor americano de livros metafísicos de auto ajuda no século 20. Escreveu, editou e pesquisou durante toda sua vida. Seu livro “O Segredo da idade” vendeu mais de 300.000 cópias. Collier escreveu sobre a psicologia prática da abundância, desejo, fé, visualização, ação confiante e desenvolvimento pessoal. Em 2006 a escritora australiana Rhonda Byrne reeditou os conceitos de Robert Collie no seu Best-sellerThe Secret (O segredo). O livro de Byrne trata da “Lei da Atração”, baseando-se na teoria de que um sentimento de positividade atrai fatos positivos para a vida da pessoa. Em 2007, Byrne foi considerada pela revista Time uma das 100 pessoas mais influentes do mundo.

        Tenha o melhor mês de janeiro que você conseguir ter e use de todos os meios para fazer deste ano o melhor da sua vida. Deseje o mesmo pra mim.

       

HOROSCOPO
Fonte:“Worldwide Horoscopes”           janeiro - 2017

.
JANEIRO
O dia primeiro de janeiro de 2017 marca o início de um novo mês, de um novo ano e da era de Saturno, um período que traz a marca da austeridade e da imparcialidade do tempo (Cronos) e que dura 36 anos. Estamos vivendo um momento marcado por inícios e reinícios. Começos e recomeços. O balanço dos últimos 12 meses, seguido pela formulação das novas metas, fazem dos primeiros dias do ano, uma fase para ser dedicada ao planejamento, retocar os ideais, remover os escombros do passado e fixar novos objetivos para o futuro. O Sol curte o fim de sua era de 36 anos passeando por Capricórnio neste mês de Janeiro e criando o clima ideal para amizades. Tudo fica mais animado e extrovertido. Marte ajuda dando uma chacoalhada nos relacionamentos e tudo pode acontecer. Neste mês de janeiro os assuntos de religião, filosofia e educação estarão em alta. Isso é para todos os signos. Netuno exerce sua influência nos assuntos sociais e Plutão avisa que nada ficará do jeito que estava antes porque um novo ciclo está chegando na vida de todos e de cada um de nós.

AQUARIO - 21/01 a 19/02
aquário Principalmente para você de Aquário, Janeiro representa o fim de um ciclo. Ideal para concluir definitivamente situações pendentes do ano passado. O Sol em sua Casa XII vai te ajudar a eliminar freios que estão travando sua vida, como alguns vícios por exemplo. Vênus e Marte estão jogando pesado na expansão de sua vida financeira. Jogando pesado mesmo. Você vai perceber. Não se esqueça de agir com educação e não faça chantagens afetivas que você não precisa disso. Muita energia e independência para você criar a sua vida como você gosta. Num mês tão excelente e você tão exuberante tudo pode acontecer. Até mudança de estado civil. Vá sem medo.

PEIXES - 20/02 a 20/03
peixes Liberte-se de algumas amarras inúteis que sobraram do ano passado e comece a avançar na direção do que realmente interessa. Este é um dos melhores meses do ano para você de Peixes. Um período para dirigir o próprio destino. Comece os novos projetos agora. Com firmeza. O seu Planeta do Dinheiro na 8ª Casa faz você prosperar fazendo os outros prosperarem. Peixes está dando um grande salto de qualidade, no plano prático, econômico e espiritual. A comunicação, a curiosidade e a expressão estão sendo beneficiadas. No finalzinho do mês, a partir do dia 22 comece a ser menos protagonista porque sua alma estará precisando encontrar privacidade no seu mundo pessoal e íntimo.

ARIES - 21/03 a 20/04
aries Urano é o planeta do inesperado e das novidades; Júpiter é o grande benéfico, o "paizão" sempre disposto a realizar todos os nossos sonhos. Os arianos iniciam o mês e o ano favorecidos por esses dois gigantes e por isso não terão que ter medo de nada. Podem acreditar cegamente que tudo vai dar certo, que toda oportunidade que aparecer é excelente e que não pode ser perdida. Mesmo quando as possibilidades forem superestimadas e as coisas saírem errado, continue com sua postura positiva até em relação à parte do projeto que não funcionou. Tire daí algum tipo de lição e corrija o que tiver de ser corrigido.

TOURO - 21/04 a 20/05
touro Você agora em janeiro estará vivendo momentos intensos e ternos no plano amoroso. No social você vai de vento em popa. Lance agora os novos pilares do seu projeto de carreira que chega carregado de sucesso, desafios e lições. Você talvez tenha que aprender o uso correto do poder e da autoridade. Marte faz bom aspecto com Vênus e a libido estará forte. Cuidado para não subestimar os esforços dos outros superestimando os seus. Suavize os ângulos dos seus relacionamentos trabalhando algumas dificuldades que persistem há muito tempo, e dê lugar a um comportamento mais maduro.

GÊMEOS - 21/05 a 20/06
gêmeos Está ocorrendo um aprofundamento de seus relacionamentos e pode ficar complicado conciliar sua vida privada e suas obrigações sociais. Divida melhor o seu tempo e na esfera profissional tente encontrar acordos financeiros duradouros para melhor concluir seus projetos de futuro. Janeiro não é um mês para lutas de poder nem para autoafirmação desnecessária. Evite essas coisas. Vão surgir interesses importantes e a Lua está trazendo para você novas informações e esclarecendo melhor inclusive sobre o que deverá ou não ser eliminado da sua vida.

CÂNCER - 21/06 a 21/07
câncer Vênus em conjunção com Marte está ajudando você a conseguir novos contatos profissionais e melhorando os já existentes. A energia do elemento Água, está exigindo de Câncer uma vida muito ativa este mês, e isso traz melhoria na vida social e na comunicação, mas este ritmo veloz e estas atividades intensas vão levar você no final do mês, a uma certa fadiga e você vai precisar repousar um pouco principalmente a cabeça e a emoção. Mercúrio despertará ainda mais sua mente fazendo que os compromissos cotidianos fiquem mais fáceis de levar. Os amigos estão vendo em você uma pessoa incomparável por sua força, audácia, eficiência e poder de decisão. Faça jus a essa fama.

LEÃO - 22/07 a 22/08
Leão Você vai precisar reorganizar os projetos que tem em comum com seus amigos, parentes e colaboradores. Procure equilibrar as necessidades domésticas com os objetivos da carreira. Se você conseguir, este será um mês de progresso realizações e grandes mudanças para melhor, inclusive na sua imagem e na sua personalidade que estão se redefinindo agora. Talvez você mude a maneira de se vestir e os acessórios. A vida social será intensa, mas algumas vezes você vai precisar engolir o orgulho e seguir com mais humildade. Aproveite as coisas como elas são, sem expectativas. Chamar menos atenção (algo que não é fácil para você) será uma necessidade este mês.

VIRGEM - 23/08 a 22/09
virgem Mercúrio, seu planeta regente, em Sagitário e em conjunção com Saturno, regente de 2017 desativará os freios que o impedem de aproveitar plenamente as suas capacidades. As finanças estarão fortes durante todo o mês. O dinheiro virá com facilidade, através da criatividade ou de uma especulação de sorte. Deixe um pouco de lado a carreira este mês para dar mais atenção ao lar e a família. Não compre coisas caras nem faça investimentos importantes sem antes estudar bem os prós e os contras. Você está num bom momento para o planejamento financeiro e não para sua execução. Continue cuidando de sua saúde e dê uma atenção especial aos tornozelos e pés.

LIBRA - 23/09 a 22/10
libra O Sol, em quadratura com seu signo, vai te ajudar a corrigir alguns erros do passado. Marte está trazendo para você mais energia física e resistência e você vai sentir necessidade de atividades físicas. Mercúrio aponta coisas que precisam ser repensadas porque não estão bem definidas. Agora será o momento de conviver com as condições que você criou nos últimos seis meses. Tente ver perfeitamente como se saiu, onde errou, onde se enganou e o que fez certo. A saúde, de maneira geral, estará bem não apenas este mês mas durante um bom tempo, mesmo assim procure descansar e relaxar um pouco mais.

ESCORPIÃO - 23/10 a 21/11
escorpoão Grandes mudanças neste perído para os nativos de Escorpião, Júpiter está exercendo uma influencia muito grande que sempre é sinal de sucesso e ganhos. O mês será agitado e construtivo ao mesmo tempo. Sua vida profissional ganhará intensidade, suas atividades se ampliarão com projetos de longa duração e o sucesso estará bem ao seu alcance. A aproximação de Júpiter traz com certeza ganhos inesperados ou até mesmo uma promoção repentina para muitos escorpianos. O dinheiro será ganho com facilidade e provavelmente gasto com a mesma facilidade. À medida que o mês avança, as vendas e os projetos de marketing serão favorecidos. Agilidade. Se mexa. Aproveite a fase.

SAGITÁRIO - 22/11 a 21/12
sagitário Você vai avançar bem mais rápido se conseguir enfrentar as verdades cruas e duras que está evitando em relação aos seus interesses e suas aspirações. O trânsito de Mercúrio agita seu cotidiano e tudo ligado a ele terá tendência a deixá-lo cansado e frio. Esmagador poder planetário está conduzindo as coisas a seu favor. Trabalhe para criar uma base estável no lar e descubra seu conforto emocional. Progresso e mudanças inevitáveis nos seus assuntos. As finanças, as comunicações e a vida domestica e familiar serão os interesses dominantes este mês. Está praticamente assegurado que o fluxo de caixa será forte com ótimos surtos financeiros.

CAPRICÓRNIO - 22/12 a 20/01
capricórnio Este é para você um período de independência. Você terá o controle sobre a sua vida e a sua felicidade, podendo criar as condições que desejar — ou mudá-las, se preferir. Com seu planeta da saúde retrógrado durante todo o mês, evite fazer mudanças drásticas na dieta e principalmente evite fazer intervenções no seu corpo — como uma remoção cirúrgica de algum órgão ou glândula ou alguma tatuagem. Todas essas coisas precisarão de um estudo maior. Um fluxo de sorte vai repercutir especialmente na sua carreira. O Sol em seu signo, aliado a Mercúrio em conjunção, abrirá muitas oportunidades para realizar suas ambições e colocar no lugar todo que você planejou. Espere o sucesso. Está na hora de dedicar atenção especial para os desejos do seu coração.


TUDO COM DESCONTO

Seleção de Livros! Clique e confira.
       

MEGA-SENA
A Chance de Virar Milionário


dinheiro voando

SEIS APOSTADORES LEVAM A

MEGA DA VIRADA



O concurso que paga milhões a quem acertar seis dezenas é realizado pela Caixa Econômica pelo menos duas vezes por semana.

        Pelo menos duas vezes por semana, alguém fica milionário no Brasil. São os sortudos da Mega-sena. Apostadores que conseguem a proeza de acertar os 6 números sorteados no volantinho da mega. Outros não tem tanta sorte, mas conseguem ganhar prêmios menores acertando a quina, cinco dezenas ou acertando só quatro dezenas, fazendo uma quadra e pegando aquele dinheirinho que é pouco mas não faz mal a ninguém.
         Para apostar na mega, basta comparecer a uma das 18 mil lotéricas espalhadas pelo país, das 8h às 22h, sendo que clientes Caixa também podem entrar no sorteio pela internet. É preciso escolher pelo menos seis números o que vai custar ao apostador apenas R$ 3,50.
        O próprio jogador pode escolher os números da aposta ou tentar a sorte com a “Surpresinha”, quando então o sistema escolhe os números. Também pode concorrer com as mesmas dezenas por dois, quatro ou oito concursos marcando a “Teimosinha”.
        Apostando apenas seis números a probabilidade de você acertar as seis dezenas e fazer a mega é de apenas uma em 50.063.860. Fazendo uma fezinha com sete dezenas as chances sobem para uma em 7.151.980, mas o valor da aposta já passa para R$ 24,50. O apelo maior da mega é que se trata de um jogo onde o fator predominante sempre será a sorte. Se o jogador decidir investir R$ 17.517,50 apostando em 15 números, aposta máxima, mesmo assim, vai enfrentar uma probabilidade de apenas uma em 10.003 possibilidades.
        O prêmio corresponde a 45,3% da arrecadação. Deste valor, 35% são distribuídos entre os acertadores da sena, 19% da Quina e 19% da Quadra. Outros 22% ficam acumulados para serem distribuídos em outros concursos e o restante do dinheiro é repassado ao governo federal. Se ninguém acertar as seis dezenas, o prêmio acumula. Se quem acertou deixar de buscar o valor, o prêmio prescreve após 90 dias e o dinheiro é repassado ao tesouro para aplicação no Fies. Existe ainda a opção de aposta de um grupo. Preenchendo o campo próprio no volante é possível fazer um bolão pelo preço mínimo de R$ 10,00 sendo que cada cota não pode ser inferior a R$ 4,00 com no mínimo duas e no máximo 100 cotas.

Mega da Virada

Todo final de ano, a Caixa realiza um sorteio especial no dia 31 de dezembro. O valor do prêmio é arrecadado ao longo de todos os meses, ficando sempre acima dos duzentos milhões de reais. As lotéricas ficam lotadas e com filas quilométricas nos dias que antecedem o concurso.
        dineiro espalhado Em 2016 a Caixa incluiu as Mega Semanas especiais no calendário de sorteios. Na mega semana, o apostador tem um dia a mais para tentar a sorte, em três concursos: na terça-feira, quinta-feira e sábado. Em janeiro tem a Mega Semana de Verão, em fevereiro, a de Carnaval, em março a da Mulher, no mês de maio a das Mães, a dos Namorados em junho, a de Férias, em julho, a dos Pais em agosto, a da Primavera, em setembro, a da Sorte, em outubro, a da República em novembro, e a de Natal, em dezembro.

A História da Mega-Sena

O primeiro sorteio da Mega correu dia 11 de março de 1996. Ao longo de vinte anos, mais de R$ 17,5 bilhões foram pagos nas três faixas de premiação para 13,4 milhões de felizes ganhadores. O apostador mais sortudo de todos até agora recebeu R$ 205 milhões sozinho no concurso 1.764 sorteado em novembro de 2015 no Distrito Federal.
        Até o final da década de 70, só havia a Loteria Federal, com bilhetes já marcados com números definidos, e a Loteria Esportiva, com os palpites dos jogos de futebol. Em 1979, foi criada a Loto, onde as pessoas podiam escolher livremente e marcar cinco dezenas. Essa fórmula já fazia sucesso na Alemanha, Estados Unidos, França, Inglaterra e Itália. Fica bem mais interessante porque a imaginação sempre ajuda na hora de preencher o volante: datas de aniversário, placas de carro, documentos, endereços, telefones, sonhos, números pela rua, tudo vale. O apostador é o agente da sua sorte. É ele quem escolhe seus números e pode estar mudando seu destino e isso é muito motivador num momento como esse. A Loto logo ganhou a preferência dos usuários, superou em vendas as outras modalidades e dominou os anos 80.
        A Sena chegou em 1988, e os apostadores passaram a ter que acertar seis dezenas entre as 50 do volante ao invés de cinco. Da mesma forma que a Loto, o novo concurso dominou as loterias na década de 90.
        A Mega conseguiu bater todos os recordes da história das loterias no Brasil e não parou de se reinventar. Com todo esse sucesso de público, a Caixa começou a pensar num sorteio especial de final de ano, que teria um super prêmio garantido. Na Espanha existe o El Gordo, só que com um bilhete como a Loteria Federal. O modelo da Mega-Sena da Virada, é diferente de tudo que existe em termos de loterias no mundo. Foi criado em 2009, e já chegou a pagar R$ 1,5 bilhão para 28 acertadores de 11 Estados diferentes nas sete edições.

Os Crimes da Ambição

Em janeiro de 2014, a Polícia Federal deu início a uma operação para desarticular uma organização que conseguiu desviar R$ 73 milhões da Caixa Econômica com um falso pagamento de prêmio da Mega. A transferência do dinheiro foi realizada sem que houvesse comprovação do bilhete premiado. O gerente-geral da agência de Tocantinópolis, Robson Pereira do Nascimento, tinha poderes para acessar o sistema e fazer a transferência dos R$ 73 milhões.
        Nascimento desviou o valor para uma conta aberta com documentos falsos e dados fornecidos pelo suplente de deputado federal Ernesto Vieira Carvalho Neto (PMDB-MA), e o golpe só foi descoberto três dias depois. O suspeito fugiu para o Ceará, onde se encontrou com um homem que já havia sacado parte do dinheiro. As imagens do circuito de segurança da agência sumiram. Apenas três vigilantes e o gerente tinham acesso ao sistema.
        Depois uma série de erros da quadrilha, a Polícia conseguiu chegar até Nascimento, Carvalho Neto e outros integrantes do grupo. Os R$ 73 milhões depositados numa agência a 530 km de Palmas tinha sido dividido em diversas contas espalhadas pelo país. Ernesto era o chefe da quadrilha e foi preso tentando fugir num avião de pequeno porte que comprou com dinheiro do golpe. Num vídeo divulgado pela polícia, o filho do suplente aparece numa festa "jogando dinheiro fora". "Estamos aí na atividade. Milionários, gastando dinheiro, jogando dinheiro fora", comemorava o jovem.
        Outro participante da fraude comprou seis carros Corolla e uma Hilux no mesmo dia, numa concessionária de Goiânia. O golpe foi o maior já sofrido pela Caixa Econômica envolvendo jogos da mega-sena.
        Antes da fraude dos R$ 73 milhões, em fevereiro de 2014, um homem foi preso por forjar o próprio sequestro para tentar ficar com parte do dinheiro que a mãe ganhou na Mega-Sena da Virada. Cristiano Araújo dos Santos, de 22 anos e o comparsa Wellington Santos Oliveira, de 20, foram detidos em Várzea Paulista, na Grande São Paulo. A mãe de Santos foi uma das ganhadoras do bolão que pagou R$ 56 milhões no último sorteio de 2013. Sua parte do prêmio ficou em R$ 2 milhões. Ao saber da notícia, o filho Cristiano pediu dinheiro para comprar uma casa e como o pedido foi negado, simulou o sequestro com a ajuda de Oliveira e pediram resgate de R$ 300 mil. A ganhadora do prêmio desconfiou, acionou a polícia e as investigações duraram apenas um dia.
        Um dos casos mais conhecidos de crimes envolvendo jogos da Mega é o da viúva de Renné Senna, ganhador de um prêmio de R$ 51,8 milhões. Ele costumava vender doces na beira da estrada, e cinco meses depois de virar milionário iniciou um relacionamento com a cabeleireira Adriana Ferreira de Almeida, que passou a cuidar das finanças do casal. Em outubro de 2006, o milionário incluiu a mulher no testamento, deixando ela e sua filha como as únicas herdeiras.
        Em dezembro do mesmo ano, Adriana comprou uma cobertura de R$ 300 mil no município de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Estado do Rio, sem consultar Renné, que não gostou e discutiu seriamente com ela ameaçando desfazer a relação e excluir mãe e filha do testamento. Passado um mês, ele estava em um bar com um amigo quando dois homens chegaram a bordo de uma moto e dispararam quatro vezes.
        O crime foi encomendado por Adriana que contratou cinco pessoas para planejar e executar o assassinato. Chegou a ser presa, mas com cinco dias de julgamento, o Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Rio Bonito, absolveu a viúva por falta de provas.
        No final de 2013, um ganhador de um prêmio milionário da loteria e seu irmão foram sequestrados e extorquidos em Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. O imóvel onde os sequestradores estavam foi cercado e dois integrantes do bando tentaram furar o cerco atirando. Um que já tinha passagem pela polícia por roubo e homicídio foi atingido. A polícia ainda apreendeu uma pistola Ponto 40 e um revólver calibre 32 em poder dos sequestradores. Nenhum refém ficou ferido.
        Com os prêmios milionários, a Mega gerou cobiça em muitas pessoas.
        Em Santa Catarina, o problema foi entre empregado e patrão. Flávio Júnior de Biassi escolheu as seis dezenas e deu R$ 1,50, valor cobrado na época, para o patrão, Altamir José da Igreja, fazer uma aposta para o concurso 898, de 1º de setembro de 2007.
        Igreja, de posse do bilhete premiado, resgatou o prêmio e sumiu, sem dar nada para o empregado. Biassi entrou na Justiça e conseguiu provar que os números jogados eram uma combinação do celular dele e da mãe. A conta onde o prêmio foi depositado foi bloqueada e em julho de 2009, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina determinou que os dois dividissem os R$ 27,7 milhões.
        No Rio Grande do Sul, 40 apostadores acertaram os números do concurso 1.155 da Mega-Sena, de 20 de fevereiro de 2010, e deveriam ter recebido R$ 53 milhões, o que daria pouco mais de R$ 1,3 milhão para cada um. No entanto, o bolão que compraram na lotérica Esquina da Sorte não foi registrado na Caixa Econômica Federal. O caso foi parar na 2ª Delegacia de Polícia de Novo Hamburgo, onde uma das funcionárias da lotérica, Diane Samar da Silva, prestou depoimento e, disse que tinha esquecido de registrar o bolão.

Os Milionáqrios Falidos

Em 1983, o baiano Antônio Domingos ganhou na loto o equivalente hoje a R$ 30 milhões de reais. Pensou que o dinheiro não acabaria nunca e pediu demissão do emprego de zelador que tinha num condomínio da capital baiana.
        “Chegou uma época que eu agia como se carros, motos e roupas fossem descartáveis”, conta Antônio, que hoje trabalha como garçom num restaurante de comida natural e ganha cerca de R$ 1.500,00 por mês. Em vez de comprar uma casa, Antônio preferiu passar a morar na suíte presidencial do hotel mais luxuoso de Salvador. Restaurantes caros também faziam parte de sua rotina. O que restou daquele tempo são apenas fotos, lembranças e o arrependimento. A vida de conforto e fartura só durou cinco anos.
        O baiano Nivaldo Eduardo, outro ex milionário da mega, hoje sobrevive com a ajuda de amigos e o pouco dinheiro que ganha tomando conta de carros nas ruas de Salvador. Entre as histórias de excessos cometidos ele conta com saudade de quando chegou a fretar aviões para acompanhar, com amigos, alguns jogos do Bahia, seu time do coração, em cidades de todo o país. Também para ele, o dinheiro, que veio fácil, foi embora em apenas cinco anos.

        

Matéria de dezembro:   Quem Eu Quero Ser?

ADRIANA GROSSE

A vida é feita de atitudes

.



Psicóloga Adriana Grosse

Início do ano é data propícia para mudanças de hábitos e para realizações de sonhos. É importante, pensar em tudo o que ainda queremos viver e permitir que algumas coisas do passado sejam sepultadas, como algumas lembranças dolorosas, projetos que não deram certo e coisas que não precisam mais fazer parte da nossa vida, (como mágoas, frustrações, tristezas etc.), coisas que não trazem nada de novo. Fazer uma faxina na alma, porque só vamos conseguir viver tudo o que temos que viver, se esta limpeza for feita, caso contrário permaneceremos no passado, nas dores e na vida sem sentido.
        No primeiro momento se você está de férias, desfrute suas férias com tudo o que tem direito, aproveite cada momento, pois cada momento é único. Permita-se ser feliz com aquilo que tem. Se não está de férias, programe-se, para o tipo de vida que você quer ter daqui a 3, 5, 7 anos. Você é o principal arquiteto do seu futuro.
        É sim. A vida passa muito rápido para se perder tempo falando dos outros, pensando no que perdeu e se arrependendo do que fez ou não fez. Gaste sua energia no novo, o velho já ficou para trás e o novo só depende de você.
        Não deixe seu passado te tornar prisioneiro e neste novo ano escolha com inteligência quem você permitirá que exerça influência sobre você. Não deixe que pessoas negativas e rancorosas tenham relação direta com a sua vida pontuando só seus pontos fracos. Não permita que suas fraquezas e limitações determinem o rumo da sua vida.
        O novo tempo que estamos iniciando, trás muitas oportunidades carregadas de escolhas, decisões e atitudes. Estão nas suas mãos os passos que dará para uma nova vida e em direção a novas conquistas. Seja simples, sonhe grande, mas comece com pequenos passos. Quer um novo emprego? O que depende de você para ter esse novo emprego? Está estudando? Fazendo cursos? Se aperfeiçoando? Quer passar no vestibular ou no concurso? Quantas horas esta estudando por dia? Perdeu o foco? Saiba que vencedores não perdem o foco, ou se perdem é por apenas um momento e logo retomam. Esta em um relacionamento que te faz mal? O que ainda te prende a este relacionamento? É carência ou amor? Não viva de desculpas! Pessoas que vivem de desculpas se tornam frustradas. Nunca se compare a ninguém, trace suas metas e projetos.
        Algumas metas você consegue conquistar em curto prazo, outras em médio e outras em longo prazo, mas todas elas exigirão de você, preparação, garra, determinação e muito esforço. Exigirão que você saia da sua zona de conforto e tome uma atitude.
        Não viva de desculpas! Você faz seu caminho! Sair da zona de conforto é enfrentar seus medos, sejam quais forem: medo de falar em público, medo de ser julgado no trabalho ou pelas pessoas do dia a dia, medo de arriscar um novo emprego, medo de mostrar seu potencial, medo de ser rejeitado, medo de sair de um relacionamento onde você não é valorizado. Pare para pensar, quais são as prisões que te prendem a uma vida de frustração? Quais são os ciclos que você precisa fechar e se desapegar para que algo novo aconteça?
        Faça uma lista e veja o que é real e o que é fantasia da sua cabeça. O que depende de você para mudar e o que não depende. Você vai perceber que muitas coisas dessa lista, não foram compridas ou estão como estão, porque você jogou suas expectativas nos outros e não em você. Portanto, que em 2017 seja você o autor da sua própria “Estória” e viva uma vida de superações e de conquistas!


Psicóloga & Coaching Adriana Grosse
CRP 08/18360

       


LAGUNA

Mariolinda Ribeiro

Pokémon GO é o primeiro grande jogo da Franquia Pokémon que graças à Niantic, desenvolvedora da Ingress, finalmente chegou ao Android, conseguindo combinar toda a mágica destes clássicos Nintendo com as melhores ideias de sua versão inicial.
        O resultado é uma aventura onde você precisa sair e andar muito por aí se realmente quiser se tornar um mestre Pokémon.
        Qualquer pessoa que já jogou Ingress vai saber o que precisa fazer e vai entender de cara qual a ideia central do Pokémon GO. Quem não, também não vai ter muitos problemas porque é tudo muito simples e intuitivo.
        Basicamente o jogo converte sua cidade numa colossal plataforma de videogame onde você terá que interagir.
        Seu avatar se moverá com você para onde você for, usando o GPS dentro do jogo, de modo que você não terá dificuldades para sair por aí capturando Pokémons.
        Você está perto de uma praia ou de um rio? Pode checar essas áreas a procura de um Pokémon de água. Está precisando de um Pokémon planta para sua coleção? Faça um piquenique, visite um Jardim Botânico ou coisa no gênero. Sempre que você visitar Pokéstops, que geralmente estão localizados em lugares interessantes como museus, galerias de arte e lugares históricos, você tem a chance de conseguir novos itens. Nos Pokéstops você também vai poder conseguir pokébolas grátis e se preparar antes de desafiar outro mestre Pokémon.


Pokémon GO é um excelente RPG para se explorar no Android. É sensacional em todos os sentidos. Um jogo muito bem otimizado, tem uma interface elegante e gráficos fantásticos. E o mais importante: milhares de Pokémon esperando para serem capturados. Foi desenvolvido para a versão 4.4 do Android, ou superior.
        Então cara, Levanta daí. Vamos pra rua pegar Pokémons selvagens. Explorar a cidade, outras cidades, lugares de perto e de longe e até o mundo. Vamos apanhar o maior número de Pokémon que a gente conseguir. Não tem erro. Quando a gente estiver explorando o mundo real, o celular cagueta que tem um Pokémon por perto!
        Bom! Não é bem assim, mas é quase isso. O importante na verdade é se mexer. Se movimentar. Interagir. O espírito é esse.
        Nunca jogue Pokémon GO andando de bicicleta, dirigindo ou em qualquer outra situação que requeira a sua total atenção, e nunca se afaste dos seus pais ou do seu grupo para apanhar um Pokémon.
        Seu mapa é a sua referência principal durante o jogo e se baseia no mapa real das ruas e caminhos por onde você anda. Nele estão todas as informações que você precisa e que serão extremamente úteis quando você estiver jogando. Você vai estar sempre no centro do mapa e vai poder usá-lo para encontrar Pokéstops, Gyms, localizar Pokémons próximos de você e muito mais!

COMO ENCONTRAR POKÉMONS

    Fique atento às zonas brilhantes chamadas habitats. Elas indicam onde pode ter Pokémon. Você nem sempre vai encontrar Pokémon num habitat, mas as probabilidades no habitat são mais elevadas. O Pokémon adora locais como parques públicos e áreas de lazer, por isso se você passear um pouco por esses lugares terá mais chances de encontrar mais Pokémons! Os Pokémons estão sempre nos habitats que melhor se adaptam às suas características. Por exemplo, se você estiver na praia ou num cais, é provável que encontre Pokémons Water-type mas se estiver numa região desértica, a probabilidade de encontrar Pokémon Water-type é muito menor.
        Para saber os tipos de Pokémon que você pode encontrar perto da sua localização atual, use a funcionalidade Sightings. Os Pokémons que já estão no seu Pokédex aparecerão a cores e os que ainda não estão vão aparecer como silhuetas escuras, manchas, parecidos com fantasminhas. Fique sempre atento e ciente do ambiente que o rodeia e não invada nem tente entrar, de forma alguma, em propriedades ou locais onde não tenha o direito ou autorização de estar.

VISITE POKÉSTOPS

    Procure por Pokéstops em locais interessantes, como instalações de arte pública, marcadores e monumentos históricos. Pode colecionar mais PokéBalls e outros itens nos PokéStops, que estarão assinalados no seu mapa com quadrados azuis. Quando você estiver suficientemente perto de um pokéstop para alcançá-lo, a caixa por cima do quadrado azul se abre e você vai conseguir recolher itens do pokéstop! Mas como já foi recomendado, se ele estiver numa propriedade privada, não entre e não se preocupe. Vão surgir outras oportunidades.

ENCHA O SEU SACO

    Acesse seu saco no mapa, tocando no ícone da Pokéball. No seu saco você pode guardar Pokéballs, remédios, Bagas e muito mais. Os Pokémon Eggs não aparecerão no seu Saco. Alem disso, você também pode acessar seu saco durante os encontros com os Pokémons. Cada item é acompanhado por uma descrição sobre o que está sendo feito e sobre o que pode ser feito a seguir.

VEJA O SEU TREINADOR SUBIR DE NÍVEL

    Pegue o maior número de Pokémons que conseguir, para obter Experience Points (XP) e aumentar o nível do seu Treinador! Cada captura corresponde a uma atribuição de XP de acordo com o tipo de Pokémon capturado, e a precisão do seu lançamento. Nos níveis superiores, você vai ter acesso a itens mais poderosos, como as Greatballs, que lhe ajudarão a apanhar Pokémons. Continue a explorar e a descobrir Pokémon para aumentar o seu nível! Apanhe muitos Pokémon e veja o seu nível aumentar. Ganhe Experience Points (XP) e assim por diante.

GANHE MEDALHAS

    Existem muitos desafios que recompensam suas diferentes conquistas, como o número de Pokémons que apanhou e a distância que percorreu. Completando estes desafios, você vai poder desbloquear medalhas que aparecem no seu perfil de utilizador. Desbloqueie quantas medalhas conseguir! Assim como o ‘créu’, pra pegar tem que ter agilidade!
   

O Pokémon Go é um sucesso extraordinário que está pirando a cabeça de todo mundo, mas para você ter sucesso no game é preciso ralar e principalmente conhecer alguns truques que facilitam sua jornada. Aí estão as 20 melhores dicas pra você se tornar um especialista em rastrear os monstrinhos e um grande mestre Pokémon. Olha só!

1. Você pode começar o jogo com Pikachu.

Se quiser você pode começar com o Pikachu. Na hora de escolher seu primeiro Pokémon, saia da área de escolha por três vezes que o ratinho elétrico vai aparecer.

2. Ganhe mais experiência com capturas “Great”

Lance pokébolas. Esta é uma das coisas que mais se faz no jogo e se você conseguir fazer bons arremessos ganha pontos extra. A pontuação é dada quando a bola acerta o circulo que fica diminuindo. Quanto mais próximo do centro maior a pontuação. Existem três tipos de acerto: Nice =+10 pontos de experiência, Great =+50 pontos, e Excellent =+100 pontos. Como o Excellent é bem difícil de acertar, é melhor tentar acertar o máximo de Great, que é muito mais fácil. É melhor ganhar mais pontos acertando vários Greats do que perder muitas chances para conseguir apenas um Excellent ou nenhum. A dica é prestar atenção ao circulo que diminui e arremessar enquanto ele estiver na metade da distância do círculo maior, mas é um pouco chatinho de acertar. Só treinando que você vai conseguir pegar o ponto correto de time e chegar à perfeição. Desative a Realidade Aumentada quando for capturar um Pokémon, porque a “AR” (Augmented Reality) atrapalha um pouco o lançamento.

3. Ganhe experiência (e pontos) com o lançamento da “bola curva”

Você pode ganhar pontos extras aumentando a dificuldade de captura, lançando uma bola curva. Para conseguir isso, toque na Pokébola e deslize ela em círculos. Ela vai girar e soltar faíscas aí você soltas ela um pouco mais à esquerda ou à direita do que você costuma lançar, ela vai fazer uma curva antes de acertar o Pokémon. Você talvez não consiga fazer a bola curva com perfeição na primeira tentativa, mas com um pouquinho de treino consegue.

4. Pegue o máximo de Pokémons que puder, mesmo que já tenha muitos iguais.

A forma mais rápida de aumentar seu nível é capturando todo e qualquer tipo de Pokémon que encontrar pela frente. Outra vantagem de não perder nenhum é que você pode trocar os Pokémons repetidos com o Professor Willow por um candy, específico do Pokémon que foi capturado.

5. Faça evoluções em massa com Luckyegg e ganhe muita experiência em dobro.

Você vai receber seu Luckyegg pela primeira vez quando o seu nível de treinador subir para 9, outro no nível 10 e depois disso a cada 5 níveis. O Luckyegg simplesmente dobra toda experiência que você ganhar durante 30 minutos, por isso quando usar aproveite o tempo ao máximo. Depois de reunir a maior quantidade de Pokémons que puder, selecione e troque os repetidos, deixando só o mais forte de cada. Receba os candies correspondentes a cada Pokémon trocado, depois ative o Luckyegg e use os candies para evoluir o máximo de Pokémons que puder. Como cada evolução concede 1.000 pontos de experiência, com o Luckyegg dobrando, são 2.000 por evolução. Se você conseguir evoluir 30 Pokémons, em vez de 30.000 vai ganhar 60.000 pontos de experiência. Ganha o efeito do item capturando Pokémons e experiência dobrada.

6. Guarde seus Stardusts para a hora certa

Os Stardusts são pontos que servem para aumentar o nível de CP (força de combate). Você consegue Stardusts durante o jogo capturando Pokémons, defendendo ginásios ou chocando ovos. A dica é não usar os Stardusts nos primeiros Pokémons para deixá-los mais fortes exatamente porque eles vêm muito fracos e podem consumir muitos itens para aumentar o CP. Guarde os Stardusts para usar depois do nível 20, quando você já vai ter alguns monstrinhos mais fortes e a partir daí, os Pokémons selvagens aparecem no mesmo nível de CP, não importa qual seja o nível do treinador. É nessa hora que você deve trocar os Pokémons repetidos deixando só os com maior CP de cada e só usar os Stardusts nos Pokémons-chave para eles ficarem ainda mais fortes e consigam então evitar que os selvagens fiquem mais poderosos que os seus.

7. Controle a evolução do   Eevee

No Pokémon GO, o Eevee pode evoluir para três tipos diferentes: um de fogo (Flareon), um elétrico (Joteon) e um de água (Vaporeon) e esta solução é aleatória, mas existe uma forma de escolher qual a evolução você deseja para ele. Basta que você renomeie o Eevee antes de evoluir, de acordo com o tipo de evolução que você deseja. Renomeando com o nome de Pyro ele se torna num Flareon, se escrever Sparky ele vira um Joteon e renomeando como Rainer ele se transforma num Vaporeon.

8. Economize a bateria do celular

O Pokémon GO é um grande consumidor de bateria. Para não ficar sem energia no meio de uma caçada reduza o brilho da tela ao mínimo que puder, entre nas configurações durante o jogo e desative a vibração, músicas, efeitos sonoros e a realidade aumentada. Tudo isso é importante. Você também pode baixar os mapas da sua região no Google Maps e usar offline, assim evita que o jogo baixe os mapas na hora, e com isso economiza não só a bateria, como também o plano de dados.

9. Ande em linha reta para chocar ovos mais rápido.

O jeito mais fácil de chocar ovos é andar. Compre sapatos ou tênis confortáveis e ande em linha reta. O jogo contabiliza mais progressos se você não dobrar esquinas e ainda assim a distância só é contabilizada se a tela estiver ligada. Se você estiver disposto a gastar dinheiro com o jogo, outra dica é comprar mais incubadoras. Assim você vai poder chocar vários ovos ao mesmo tempo.

10. Não tente descobrir sozinho. Ganhe tempo pedindo informação.

Esse é um game que preza pelo esforço físico e pela interação social. Não tenha medo de pedir informações a outros treinadores sobre PokéStops, ginásios e locais onde encontrar certos tipos de Pokémons. Muitos estão dispostos a ajudar e isso é mesmo de grande ajuda. Você também pode entrar em fóruns e comunidades para obter ajuda sobre o jogo.

11. Seja pontual

Pokémons costumam aparecer em horários redondos como, 18h00min, 18h30min etc. Se concentre em dois pontos e só mude de um para o outro no intervalo dos horários, depois é só caprichar no arremesso.

12. Descubra Pokémons raros através do “Ingress”

A Niantic, antes do Pokémon GO, lançou o Ingress, que também fazia as pessoas irem a certos pontos na cidade. No Ingress foi descoberto um ponto onde fica a chamada “massa exótica”, onde podem ser encontrados Pokémons raros. Vale a pena dar uma baixada.

13. Se puder use dois celulares.

Ainda que seja um pouco difícil de conseguir, se você puder use dois celulares. Um ficará como radar, enquanto você captura os Pokémons ao redor com o outro, diminuindo muito as chances de algum passar.

14. Não gaste dinheiro com Pokébolas.

Se você ficar sem Pokébolas não precisa se desesperar e sair gastando seu dinheirinho. É só ir numa das centenas de Pokéstops porque lá as Pokébolas e outros itens são de graça. Depois de escolher seus itens espere 10 minutos para poder repetir a operação.

15. Mantenha a forma com Pokémon GO

Uma das intenções do game é fazer as pessoas saírem de casa. Aproveite para queimar calorias e se manter em forma. O jogo proporciona outros benefícios também. Ajuda por exemplo a diminuir a ansiedade ao interagir com outras pessoas. Além de andar por aí procurando vários tipos de Pokémons, você tem um estímulo a mais para andar, que é chocar seus ovos, quanto mais você andar, mais ovos você consegue chocar. esse site calcula quantos ovos você precisa chocar para perder uma determinada quantidade de quilos, este outro site fez uma estimativa da quantidade de pokémons que você precisa pegar para perder o peso desejado e até esse treinopara você praticar enquanto joga. Hora de suar a camisa!

16. Pare em todos os Pokéstops possíveis

Parar em Pokéstop garante 100 pontos de experiência. Mesmo que você não precise de nenhum item no momento, pare em todos que puder porque com isso você acelera seu desenvolvimento como treinador. Se puder pare também em ginásios. Vencer batalhas garante 100 pontos e até perdendo você ainda consegue 10 pontos de consolação. Além disso, se você derrotar todos os Pokémons do ginásio ganha mais 50 pontos de bônus.

17. Saiba a distância e como chegar até os Pokémons.

À direita da tela, na função “Nearby”, você pode ver os pokémons que estão por perto. Quanto mais pegadas, mais longe ele está. Uma pegada significa 40 metros, duas pegadas são 60 metros e três pegadas são 90 metros. Você deve seguir o caminho que acha que o Pokémon está, se o número de pegadas diminuir, você está no caminho certo e se aumentar, você deve dar meia volta e ir até metade do caminho que seguiu e virar 90° para onde você acha que o Pokémon deve estar, siga dessa forma até dar de cara com ele.

18. Se quer achar certos tipos, saiba onde procurar.

Como já dissemos antes, Pokémons de água geralmente vivem próximos a mares, rios, lagos etc. Os elétricos são encontrados em escolas e universidades, lutadores em academias e ginásios, psíquicos ficam em casa ou em escritórios, e assim por diante. O horário também é determinante, Pokémons noturnos, como fantasmas, logicamente são mais provavelmente vistos à noite.

19. Como denunciar alguém que está “roubando” no jogo

Você certamente já encontrou ginásios com pokémons fortíssimos ou treinadores ostentando uma mega pokedex. Se você sabe de alguém que esteja trapaceando no jogo, você pode fazer uma denúncia. Basta acessaresse link, preencher os dados colocando seu e-mail e o nome do trapaceiro, anexe um print que mostre o nível do CP do Pokémon desse treinador no ginásio ou de um vídeo do youtube, passe pelo CAPTCHA e envie. Pronto. Ao que tudo indica, a Niantic está de olho nos trapaceiros.

20. Cuidado com assaltos e acidentes

Evite andar com o celular na mão em lugares públicos, mesmo que sejam lugares bem movimentados. Olhe sempre em volta para se certificar de que está tudo bem. Prefira lugares fechados, que você conheça bem, tente não ir a locais que você não iria normalmente. Também fique ligado mesmo que esteja num Pokéstop porque já ocorreram casos de bandidos atraírem pessoas para esses lugares para aplicar assaltos. Também fique atento ao trânsito e às condições da rua. Não saia correndo atrás de um Pokémon sem olhar bem por onde vai. Parece um alerta bobo, mas sabemos que as condições das ruas brasileiras não são lá as melhores. Fique sempre atento às crianças principalmente em parques e praças, nunca jogue quando estiver de bicicleta ou dirigindo, e proteja seu celular com algum aplicativo de segurança.


       
Quero um cachorro   (clique pra ler)       

RAÇÃO E AMOR



RAÇÃO E AMOR

Maurício Fernandes


Milhares de cães são abandonados, negligenciados e jogados em abrigos, pelos próprios donos, muitas vezes por motivos banais. Embora tenham um lugar seguro para viver e ração para se alimentar esses bichinhos não são felizes.
        Após trabalhar como voluntário em um desses abrigos, o fotógrafo Traer Scott decidiu fotografar esses animais para chamar a atenção das pessoas e incentivar a adoção responsável de cães abandonados. A série em preto e branco mostra expressões tristonhas, misto de dor e esperança.
        Muitos conseguem ser adotados por famílias que lhes dão amor, mas outros são sacrificados, devido a quantidade não suportada pelos abrigos. Alem do sofrimento, um bom observador consegue ver apesar das circunstâncias, uma emoção intensa, dignidade e às vezes até humor no semblante desencantado de cada um deles, na alma lembranças vagas de um passado feliz que se perdeu no tempo, e nos olhos, dentro dos olhos algo que eles, os cães abrigados tentam desesperadamente encontrar: Compaixão na aura dos humanos.


RAÇÃO E AMOR2

RAÇÃO E AMOR3

RAÇÃO E AMOR4

RAÇÃO E AMOR5

RAÇÃO E AMOR6

RAÇÃO E AMOR8

RAÇÃO E AMOR9

A vida dos cães é muito curta, e fatalmente um dia quando menos se espera eles vão partir. Muitos donos fazem de tudo para dar aos seus amigos cães a melhor velhice que um cachorro possa ter, mudam a rotina, para aproveitar ao máximo o tempo que ainda têm com ele, e se dedicam a amenizar as dores da velhice do seu cão. Nós nunca conseguiríamos agradecer suficientemente o bem que nossos cães nos fazem. Eles nos transformam em pessoas melhores e nos salvam todos os dias com sua alegria e amor incondicional. Cães nos ensinam a amar sem reservas, e a demonstrar nossos sentimentos! Cachorros não esperam um dia especial para demonstrar amor. Fazem isto a cada minuto. Isto é uma grande lição porque a vida é tão inesperada que cada minuto pode ser a última chance para um carinho ou um gesto de amor.
        Mas não era assim que pensava o dono da Bless, uma cadela vira-latas, de seis anos que foi jogada num abrigo. Aparentava estar sempre depressiva e aguardava ser adotada há cinco meses. Em média, os cães do abrigo em que ela vivia eram levados por novos donos em um prazo de até 29 dias. Os funcionários do canil temiam que Bless -benção em inglês- nunca fosse levada por alguém justamente pela sua fisionomia triste, que ficava ainda mais pesada por causa das orelhas caídas. Bless tinha um temperamento manso além de uma personalidade amável.Um rosto triste, mas um coração de ouro - dizia Rob Young, diretor do abrigo.

RAÇÃO E AMOR11

Percebia-se nela a esperança de encontrar um lar, uma família amorosa, atenção e carinho. Só que muitas vezes isso não acontece.
        A espera pela adoção pode ser longa e dolorosa e para Bless estava sendo.
        Pra piorar ainda mais, Bless, começou a se tornar brigona, teimosa e agressiva e tinha dificuldade de relacionamento com as visita e principalmente com crianças, o que reduzia a zero suas chances de sair dali.
        Bless foi ficando cada vez mais depressiva. Encolhia-se no fundo da sua celinha e até mostrava arrependimento pela maneira como estava se comportando, mas no fundo, Bless já tinha perdido toda a esperança de um dia ser de novo feliz.
        Após um tratamento psiquátrico e muita ajuda, Bless melhorou seu gênio e encontrou finalmente um novo lar, uma nova mãe adotiva e muitas crianças com quem passou a conviver adoravelmente. Ela demonstra claramente que sabe que foi salva e que é grata por isso.

RAÇÃO E AMOR12

Seus novos donos, junto com o pessoal do abrigo, deram cintinuidade ao tratamento de Bless, e ela teve a partir daí uma vidas muito feliz.

Adicione aos favoritos
(55)(41)3424-6382

Edições-2017

Edições-2016